sábado, 30 de junho de 2012

Garrafa 51


Enigma 25
A santola foi canonizada?
Augusto Baptista

sexta-feira, 29 de junho de 2012

Enigma 24
O vento é biodesagradável?
Augusto Baptista
Garrafa 50


quinta-feira, 28 de junho de 2012

Enigma 23
Quando se marca o ponto, é indiferente ponto cruz, pérola, de exclamação?
Augusto Baptista
Garrafa 49


quarta-feira, 27 de junho de 2012

Enigma 22
Corrimão de rico usa anel?
Augusto Baptista
Garrafa 48


terça-feira, 26 de junho de 2012

Enigma 21
Os números primos são-no por parte do pai?
Augusto Baptista
Garrafa 47


segunda-feira, 25 de junho de 2012

Enigma 20
Nas cavernas, os homens já falavam americano?
Augusto Baptista

domingo, 24 de junho de 2012

Enigma 19
Macabro é um caprino funesto?
Augusto Baptista

sábado, 23 de junho de 2012

Enigma 18
Antes do aparecimento do guarda-chuva, já chovia?
Augusto Baptista

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Garrafa 46

Enigma 17
O céu tinge os pássaros de azul?
Augusto Baptista

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Enigma 16 
Onde se abrigam os peixes, quando chove?
Augusto Baptista
Garrafa 45


quarta-feira, 20 de junho de 2012

Enigma 15
A água de colónia já exigiu a independência?
Augusto Baptista
Garrafa 44


terça-feira, 19 de junho de 2012


O homem que escalou as nuvens
Trepou montanhas, trilhou cordilheiras, subiu montes, montou picos. Pisou toda a Terra em cota alta. Vencido o repto derradeiro, olhou o céu. E percebeu nas nuvens, corpos fugidios, vaporosos, uma mofa libertária rente ao Sol, a sombra a enterrá-lo no chão da cumeada.
Traquejado no desempenho das alturas, deu-se ao estudo do novo desafio. Agachado, para não desconfiarem, aprendeu nomes, anotou rotas, analisou hábitos e costumes, desenhou volumes, traçou planos para assaltar as aéreas e indómitas naturezas transumantes.
Chegada a hora, ascendeu a um cabeço apropriado. Manhãzinha, entre fiapos nebulosos, surpreendeu iluminados lãzudos dorsos a levitarem distraídos no baixio. Farejou os ventos, escolheu a presa, saltou-lhe ao manso corpanzil. Interminável, a ascensão foi depois, em colo fofo, brincadeira de menino.
In “o homem que”, Augusto Baptista

Enigma 14
Não seria mais saudável para os peixes terem dois erres nas guelras?
Augusto Baptista
Garrafa 43


segunda-feira, 18 de junho de 2012

Enigma 13
De onde vem a desavença entre o martelo e o prego?
Augusto Baptista
Garrafa 42


domingo, 17 de junho de 2012

Enigma 12
Os caminhos do Senhor dão para ir de carro?
Augusto Baptista

sábado, 16 de junho de 2012

Enigma 11
As penas de galinha dão prisão?
Augusto Baptista

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Enigma 10
As moléculas dos ricos têm mais átomos?
Augusto Baptista
Garrafa 41


quinta-feira, 14 de junho de 2012

Enigma 9
Mosca-morta ressuscita?
Augusto Baptista
Garrafa 40


quarta-feira, 13 de junho de 2012

Enigma 8
O álcool puro vai para o céu?
Augusto Baptista
Garrafa 39


terça-feira, 12 de junho de 2012

Enigma 7
Quantas demãos de azul serão precisas para pintar um céu sem nuvens?
Augusto Baptista


Garrafa 38


segunda-feira, 11 de junho de 2012

Enigma 6
Que ânsia de ar leva peixes a voar?
Augusto Baptista
Garrafa 37


domingo, 10 de junho de 2012

Enigma 5
Os peixes nadam de costas?
Augusto Baptista

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Enigma 4
As asas dos grilos só sabem tocar aquilo?
Augusto Baptista
Garrafa 36


Enigma 3
Quanta força há num punho que se levanta, numa onda que se ergue no mar?
Augusto Baptista
Garrafa35


quinta-feira, 7 de junho de 2012

Enigma 2
Como se chamava o monarca, o avô da maçã reineta?
Augusto Baptista

quarta-feira, 6 de junho de 2012



Os gatos e a cidade – 3

Graffiti felino
Abundam no Porto intervenções gráficas mais ou menos elaboradas (assinaturas, desenhos, pinturas, colagens) em todo o tipo de superfície urbana que tal consente (muros, paredes, fachadas, portas, pontes…).
A expressão destas marcas é muito diversa, desde discretos centímetros a grandes murais, desde o ruído gráfico à obra de arte. E é pena, tanto quanto se imagina, que este património não esteja a ser estudado, registado, salvo, por parte das estruturas que entre nós deveriam estar atentas à produção artística e cultural.

                                                                                                 Rua das Musas

A temática destas presenças gráficas é também ela muito variada. Com frequência se exprime em espécimes da vida animal. Um zoo urbano intrincado: peixes, coelhos, lobos, elefantes, perdizes, alces, cavalos, borboletas, homens, ovelhas, passarinhos, ratos, sardões, galos, cães, … gatos.
Gatos!
Ocupei-me dos gatos.
Fotografei presenças felinas no espaço urbano – quase sempre denotando concretização de risco urgente e mancha ágil, por consabidas razões – traços realistas, abstractos, soluções estéticas mais ou menos depuradas.  
Sem mais considerandos, fica o registo. Para memória futura, salvar do esquecimento os gatos vadios – e seus anónimos autores – que hoje habitam as paredes desta cidade. 

                                                                     Rua do Breiner

                                                                                      Rua da Vitória

                                                                                     Travessa de Cedofeita

                                                                                   Rua do Breiner

                                                              Rua Cândido dos Reis (pormenor)

                                                                  Rua Cândido dos Reis (pormenor)



                                                                   Rua Miguel Bombarda 52

                                                                       Rua do Almada


                                                                     Av. de Rodrigues de Freitas

                                                                          Ponte do Infante

 Avª Brasil

 Travª da Carvalhosa

 Rua Duruelo de la Sierra (Avª Boavista)

 Travª da Carvalhosa

Largo da Ramadinha

                                                                              Rua da Vitória


Rua Miguel Bombarda

Rua do Breiner

                                                         Rua de Trás

                                                                           Rua Miguel Bombarda

Rua do Almada

Beco do Paço

 Rua Santa Isabel

Rua da Boavista

R. S. Martinho

                                                Travª Carregal

                                                Rua dos Caldeireiros/Largo dos Lóios

               Rua 5 de Outubro

Rua do Mirante

Garrafa 34


Enigma 1
Para extrair a raiz quadrada de um número muito grande precisa-se de uma máquina retroescavadora?
Augusto Baptista

terça-feira, 5 de junho de 2012

Garrafa33